Antônio Veronese fala sobre o BBB

Antonio Veronese publica um vídeo em reação indignada contra os atuais programas de televisão – BBB por exemplo – e as músicas de letra podre que tomaram conta do País.

Sobre Antonio Veronese

Antonio Veronese nasceu em Brotas pequena cidade perto de São Paulo no Brasil, de pais de origem italiana.

O mais velho de quatro filhos, ele desenvolveu uma paixão desde a infância para o desenho e, mais particularmente a figurativa . Ele começa a desenhar enfrenta um obsessivo quase na idade de 10 anos.

Veja o que ele disse:

É uma reação indgnada com o rumo que tomou meus país, com a stupidificação coletiva.
É por isso que eu digo, televisão é concessão de estado, tem que ter contrapartida de interesse público, não é uma questão de que é só diversão. Quem é que pode dizer que reservando espaço para Guimarães Rosa, Antônio Villa Lobos, Vinícius de Moraes ou Cândido Portinari, pode ser nocivo ou ruim para o país? Mas isso tem que ser política de estado.

O mercado pos si só dizer que o povo gosta apenas de porcaria é conversa fiada! O povo consome o que lhe é dado, a televisão não custa nada, agora ir ao teatro ou ao cinema custa dinheiro. É difícil! Então o povo consome a porcariada toda dessa televisão que cria valores falsos, televisão vazia.

Programas como esse Faustão, esse Gugu, com esses falsos talentos, desses artistas movidos a Jabaculê. O país da Bossa Nova, quem diria, acabou no Irajá.

A Bossa Nova é a mais importante música popular no mundo inteiro criada na segunda metada do século XX, ele enche teatros hoje em dia, ele é altamente consumida nos países de primeiro mundo, no Brasil não! No Brasil nós temos essa infecção de Sertanejectite com essa música de dois compassos, com rimas infinitivas, essa bobagem toda né. É muito triste!

Não foi uma reação colerizada, e sim uma reação indgnada. O site do Globo da no seu caderno Cultura um espaço para mensurar, para cotar QUANTAS VEZES AS MENINAS SE MASTUBARAM NO ÚLTIMO BBB 12...BBB… Reality Show. Antigamente a televisão dava espaço para o talento, hoje abre para a medriocridade.

Duas Meninas sobre as quais não há nenhum interesse firtam um ovo na cozinha enquanto conversam abobrinha, e o país todo para pra ver isso.

E o Jornal o Globo depois vem no site Culturacaderno Cultura… para revelar quantas vezes as meninas se masturbaram dentro do BBB. Com todo o respeito, acho que o Doutor Roberto Marinho virou no túmulo.

É política de estado. uma vez conversei com Gilberto Gil quando ele estava Ministro da Cultura, exigiu, o PT não tem que distribuir somente renda, o PT pricisa distribuir também cultura. A grande revolução do Brasil é a revolução da Escola da Educação e da Cultura, sem isso a gente não chega a lugar nenhum.

Nós estamos em uma situação de crescimento econômico, de estabilidade, uma coisa extraordinária, e agora é a hora da revolução da Educação e da Cultura, senão iremos continuar sendo o país de terceira classe, apesar do nosso crescimento.

Veja o vídeo.